- Call Center Magazine - https://www.callcentermagazine.net -

Como escrever emails que os clientes querem ler

Os clientes abrem apenas um quarto dos emails que recebem de empresas, de acordo com um estudo da Experian. E se não for um email a falar de descontos ou informação sobre algum serviço do qual já usufruam, apenas um em cada quatro clientes abre o email. Matt Heinz, President da Heinz Marketing, diz num artigo publicado na Customer Experience Insight que existem, no entanto, algumas formas de tornar os emails mais interessantes e relevantes para o cliente. Conheça-as.

Seja curto e conciso no assunto

O assunto de um email não é espaço indicado para vender uma ideia ou produto. O objetivo é escrever algo que faça o cliente abrir o email.

Gere curiosidade

Tente despertar a curiosidade do leitor, escrevendo algo que o faça pensar ‘Isto é interessante. Consegue contar-me mais?’

Pense na relação que tem com o cliente para quem envia o email

Quanto mais curta for a relação com o cliente para quem está a comunicar, mais curto deverá ser o email. Com um cliente recentemente angariado, partilhe apenas ideias curtas.

Não obrigue o leitor a manter a mão no ‘rato’

Idealmente, o leitor não deve ter que fazer mais do que um scroll para conseguir visualizar todo o email. Crie links dentro do email para dar acesso a informação mais detalhada.

Esqueça os parágrafos longos

Não escreva parágrafos muito longos. Se escrever parágrafos com mais do que três ou quatro frases certamente perderá o seu leitor.

Teste

Antes de carregar no botão ‘Enviar’, partilhe com alguém e teste a reação. O que está a partilhar deverá ser irresistível.