Tecnologia

Digitalidade da economia e da sociedade, que lugar ocupa Portugal

Portugal ocupa o 16.º lugar entre os 27 Estados-Membros da UE. É esta a conclusão do relatório da Comissão Europeia na edição de 2021 do Índice de Digitalidade da Economia e da Sociedade (IDES).

São vários os parâmetros avaliados, importa refletir no seguinte:

  • Capital humano – Portugal ocupa o 18.º lugar entre os 27 países da UE. No entanto, registou um aumento significativo da percentagem de especialistas em TIC, aproximando-se da média da UE. O desempenho de Portugal em termos de competências digitais básicas é inferior à média da UE, mas a percentagem de indivíduos com competências digitais mais avançadas é superior à média. Há um caminho exigente a fazer, uma vez que o número de licenciados em TIC continua baixo quando comparado com a média europeia e é fundamental investir na literacia digital que possa responder ao mercado de trabalho.

O número de licenciados em TIC continua baixo quando comparado com a média europeia

  • Conectividade – Portugal está na 15ª posição quando analisamos a conectividade. Apesar de apresentar um bom desempenho em matéria de cobertura de VHCN (rede de capacidade muito elevada) e de banda larga rápida. A adesão à banda larga fixa de pelo menos 100 Mbps em Portugal aumentou de 56 % para 63 %, o que coloca o país muito acima da média da UE (34 %). No entanto, o país regista atrasos na adesão à banda larga móvel

 

  • Empresas portuguesas – A percentagem de empresas portuguesas com pelo menos um nível básico de intensidade digital é de 51 %, sendo a média da UE de 60 %. Referir também que o número de empresas que utilizam serviços em nuvem aumentou relativamente ao ano passado. É importante salientar que, sendo maioritariamente PME, as empresas portuguesas são menos ativas na digitalização do que as suas homólogas de maior dimensão, apesar do esforço no desenvolvimento de estratégias e ações no domínio da digitalização

A percentagem de empresas portuguesas com pelo menos um nível básico de intensidade digital é de 51 %, sendo a média da UE de 60 %.

  • Serviços públicos digitais – Portugal ocupa o 14.º lugar da UE no que se refere a serviços públicos digitais. E o número de utilizadores de serviços da administração pública aumentou de 54 % para 57 %, permanecendo ainda significativamente abaixo da média da UE de 64 %.

Artigo publicado em parceria com o Smartpayments News.